Enxergar bem não é sinônimo de saúde ocular - Dr. Fernando Komatsu

Algumas doenças nos olhos causam leve desconforto e outras são silenciosas e perigosas. Mas a maioria das enfermidades podem ser resolvidas rapidamente se o problema for diagnosticado logo no início. A melhor forma de prevenção é a consulta periódica com um oftalmologista. É importante também nunca se automedicar ou comprar óculos sem receita médica.

Com o objetivo de estimular o cuidado da saúde dos olhos foi criado o Dia da Saúde Ocular, que é celebrado mundialmente no dia 10 de julho. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que existem cerca de 1,2 milhão de cegos no Brasil. Deste total, 700 mil casos poderiam ser evitados e reversíveis se tivessem feito um acompanhamento adequado a tempo.

Enxergar bem nem sempre é sinônimo de boa saúde ocular. O oftalmologista Marcelo Mendonça, diretor da clínica Glaukos, afirma que boa parte das doenças mais ameaçadoras à visão não dão aviso quando começam a se desenvolver. “Tanto o paciente quanto a família podem só perceber numa fase mais avançada quando já existe prejuízo visual.”

Leonardo Pereira, oftalmologista do Hospital de Olhos Redentora, incentiva o check-up regular dos seus pacientes. “Os exames rotineiros são a melhor forma de prevenção, pois desta maneira podemos detectar diversas doenças que não tem origem no sistema visual e tratá-las antes que ocorra uma progressão e o caso se agrave.” A prevenção é diferente em crianças, adultos e idosos, segundo Pereira, que é especialista em catarata, transplante de córnea e cirurgia refrativa. “As formas de prevenção vão variar de acordo com a idade e histórico familiar.”

Com a prevenção é possível evitar a cegueira em alguns casos. “Diversas doenças podem ser evitadas ou tratadas com antecedência através dos exames de rotina. Até mesmo uma infecção intraocular pode ser detectada e ajudar no diagnóstico de infecções em outras partes do corpo, como tuberculose e HIV. A queda de retina é outro exemplo, caso seja prevenida, pode sim evitar a cegueira”, afirma Leonardo Pereira.

Leonardo Pereira, oftalmologista do Hospital de Olhos Redentora, faz exame preventivo em paciente

Outros cuidados

A nutrição adequada e balanceada exerce também um papel fundamental para a saúde ocular. Pereira afirma que uma dieta equilibrada melhora todas as funções do nosso corpo, inclusive a visão. “Muitos nutrientes e vitaminas presentes nos alimentos pode até mesmo retardar uma degeneração macular e melhorar casos de olho seco.”

É preciso também fazer higiene adequada. “O globo ocular é um órgão extremamente delicado, por isso a higienização deve ser um hábito constante para evitar infecções.” Quem usa lentes de contatos também precisa ter cuidados específicos. “Os pacientes que utilizam lente de contato devem estar conscientes sobre os riscos da má higienização. A lente possui prazo de validade e deve ser mantida em solução específica para evitar seu ressecamento ou o acúmulo de bactérias”, afirma Pereira.

 

Write a comment:

*

Your email address will not be published.